Veja os vencedores do Hipismo no Prêmio Brasil Olímpico 2019

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) divulgou nesta sexta-feira, 1/11, os vencedores do mais cobiçado troféu anual concedido pela entidade aos melhores atletas da temporada. Ao todo, 56 modalidades esportivas olímpicas serão representadas no Hall da Fama. No Hipismo em que condecorados os melhores atletas no Salto, Concurso Completo de Equitação e Adestramento, três medalhistas por equipes e com os melhores individuais nos Jogos Pan-americanos de Lima 2019 foram eleitos. Dois são estreantes no Prêmio Brasil Olímpico: Marlon Zanotelli, ouro individual e por equipe no Salto, e João Paulo dos Santos, bronze por equipe e 8º individual no Adestramento. E volta ao palco do Prêmio Brasil Carlos Eduardo Parro, o Cacá, medalha de prata por equipes e bronze individual no Concurso Completo de Equitação, que repete o feito de 2016.

montagem premo0111

Carlos Parro, Marlon Zanotelli e João Paulo dos Santos: vencedores do Prêmio Brasil Olímpico 2019

“Na cerimônia em que o Prêmio Brasil Olímpico completará 21 anos, o COB vai celebrar a melhor campanha da história do país em Jogos Pan-americanos. Todos os 260 atletas que conquistaram nossas 169 medalhas na competição receberão uma homenagem especial”, disse Paulo Wanderley Teixeira, presidente do COB. “Tenho certeza de que será uma grande festa em homenagem aos atletas, técnicos e aos diversos agentes que fazem com que as vitórias nas principais competições internacionais sejam uma constante nesses últimos anos. Vamos celebrar as conquistas desses atletas hoje, porque amanhã é um novo dia para vencer”, completou.

A escolha dos melhores atletas em cada modalidade (clique aqui) assim como os atletas que concorrem ao Troféu de Melhor Atleta do Ano, foi realizada por um colégio eleitoral formado por jornalistas, dirigentes, Comissão de Atletas do COB, ex-atletas e personalidades do esporte.

Seis atletas estão concorrendo ao troféu “Melhor Atleta do Ano do Prêmio Brasil Olímpico 2019”: Ana Marcela Cunha (maratona aquática), Beatriz Ferreira (boxe) e Nathalie Moellhausen (esgrima), no feminino; e Arthur Nory (ginástica), Gabriel Medina (surfe) e Isaquias Queiroz (canoagem velocidade), no masculino.

A festa do Prêmio Brasil Olímpico acontece no dia 10 de dezembro, na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro.

Sobre os vencedores do hipismo

Marlon Modolo Zanotelli, 31 anos, integrante da equipe medalha de ouro no Pan Lima 2019 onde também conquistou o inédito ouro individual, é maranhense de Imperatriz e há mora na Bélgica. Integrou o Time Brasil no Pan de Toronto 2015 e nos Jogos Equestres Mundiais 2018 na Normandia, na França, em 2014, e em equipes medalhistas em Copas das Nações no circuito europeu.

marlonpremio0111

Marlon e Sirene de Motte, integrantes do Time Brasil medalha de ouro em Lima, rumo ao ouro individual

Carlos Eduardo Parro, 40 anos, medalha de bronze individual e prata por equipe no Pan de Lima, é paulista de Colina e mora na Inglaterra. Vencedor do Prêmio Brasil Olímpico de 2016, Carlos Parro integrou o Time Brasil nas Olimpíadas de Sidney 2000 e Rio 2016, além de reserva em Atenas 2004 e Londres 2012. Em Pan-americanos, além de Lima foi bronze por equipe no Rio 2007 e prata em Toronto 2015.

CARLOS PARROpremio0111

Carlos Parro comemorando o bronze individual e prata por equipes no Pan Lima 2019 

Nascido em Rancharia, no interior paulista, João Paulo dos Santos, 36 anos, bronze por equipe no Pan de Lima 2019 e de Toronto 2015, fez estreia internacional no Campeonato Sul-americano (Odesur) de 2014, no Chile, integrando a equipe medalha de ouro, além de conquistar prata e bronze nas disputas individuais. Em 2018, foi o melhor resultado do Brasil no Concurso de Adestramento Internacional de Buenos Aires, seletiva sul-americana para o Pan de Lima, conquistando três ouros individuais, além de ouro por equipe.

joaopaulopremio0111

João Paulo e Carthago Comando SN na grande final do Pan Lima 2019

Vencedores do hipismo ao longo de 21 edições do Prêmio Brasil Olímpico

2019
Salto Marlon Zanotelli
CCE Carlos Parro
Adestramento João Paulo dos Saantos

2018
Salto Pedro Veniss
CCE Marcio Carvalho Jorge
Adestramento João Victor Oliva

2017
Salto Pedro Veniss
CCE Marcio Carvalho Jorge
Adestramento João Victor Oliva

2016
Salto Pedro Veniss
CCE Carlos Parro
Adestramento João Victor Oliva

2015
Salto Pedro Veniss
CCE Ruy Leme da Fonseca
Adestramento João Victor Oliva

2014
Salto Doda Miranda
CCE Marcio Jorge
Adestramento João Victor Oliva

2013
Salto Doda Miranda
CCE Marcelo Tosi
Adestramento Luiza Almeida

2012
Salto Doda Miranda
CCE Ruy Leme da Fonseca
Adestramento Luiza Almeida

2011
Salto Bernardo Resende Alves
CCE Serguei (Guega) Fofanoff
Adestramento Luiza Tavares de Almeida

2010
Salto Rodrigo Pessoa
CCE Ruy Leme da Fonseca
Adestramento Luiza Tavares de Almeida

2009
Salto Rodrigo Pessoa
CCE Serguei (Guega) Fonanoff
Adestramento Luiza Tavares de Almeida

2008
Salto Camila Mazza de Benedicto
CCE André Paro
Adestramento Rogério Silva Clementino

2007
Salto César Almeida
CCE André Paro
Adestramento Renata Rabello

2006
Salto Rodrigo Pessoa
CCE Fabrício Reis Salgado
Adestramento Pia Aragão

2005
Salto Rodrigo Pessoa
CCE Raul Bernardo Nelson de Senna Neto
Adestramento Pia Aragão

2004
Salto Rodrigo Pessoa
CCE Raul Bernardo Nelson de Senna Neto
Adestramento Pia Aragão

2003
Salto Doda Miranda
CCE Raul Bernardo Nelson de Senna Neto
Adestramento Pia Aragão

2002
Salto Karina Johannpeter
CCE Vicente Araújo
Adestramento Isabela Renaut Travassos

2001
Salto Bernardo Rezende Alves
CCE Marcelo Tosi
Adestramento Micheline Schulze

2000
Salto Rodrigo Pessoa
CCE Vicente Araújo Neto
Adestramento Jorge Ferreira da Rocha

1999
Salto Rodrigo Pessoa
CCE Artemus de Almeida
Adestramento Micheline Schulze