Tocha olímpica chega a Minas Gerais conduzida à cavalo

Com clima de festa em Araguari e Uberlândia, no Triângulo Mineiro, a tocha olímpica chegou na tarde deste sábado a Minas Gerais para o primeiro de nove dias em solo mineiro. Ao todo, a chama vai percorrer 2,7 mil quilômetros até sábado, passando por mais de 30 municípios, que fazem de Minas o segundo estado com mais cidades no roteiro.
 
A primeira cidade mineira a receber o revezamento foi Araguari, no Triângulo Mineiro, que recebeu a tocha por volta das 16h, vinda de Goiandira-GO. Em frente ao Palácio dos Ferroviários, antiga Estação da Estrada de Ferro Goiás, milhares araguarinos se reuniram para ver o fogo, que foi conduzido por cavaleiros.
Em Uberlândia, na maior cidade do Triângulo, o clima também foi de celebração: o revezamento começou no ginásio Sabiazinho, onde atletas do halterofilismo paralímpico e judô se apresentaram para o público, bem como danças e shows de viola caipira. Karoline Cordeiro e o filho Pedro Cordeiro, de nove anos, que tem paralisia, foram os primeiros condutores. O público começou a chegar no local ainda no meio da tarde.
 
A chama chegará sábado a Belo Horizonte, vinda de Contagem, e terá atrações especiais: passará pelos principais monumentos da cidade, além de festa aberta ao público, na Praça da Estação, com palco e shows gratuitos.
 
A tocha olímpica vai percorrer mais de 30 mil quilômetros pelas cinco regiões do Brasil – sendo 20 mil quilômetros por terra – até 5 de agosto, quando acenderá a pira olímpica, na Cerimônia de Abertura, no Maracanã.
 
Fonte: mg.superesportes