Morre, aos 17 anos, o touro Agressivo, um dos mais temidos nos rodeios do país

A imagem pode conter: céu, atividades ao ar livre e natureza
 
Quando estava em seu auge, o touro Agressivo foi avaliado em R$ 700 mil, o "atleta" tinha mais de 900 quilos é era o mais temido por derrubar os peões antes dos oito segundos. Na carreira, touro Agressivo chegou a pular até 36 vezes para derrubar um peão. Agressivo já esteve na lista dos touros mais temidos do mundo pela Professional Bull Rider (PBR), uma das maiores empresas de promoção de rodeios do mundo.
 
 Ele morreu na última sexta-feira (27), na fazenda em que vivia, em Icém (SP). Agressivo tinha 17 anos e era considerado o sucessor do temido Bandido nas arenas de rodeio do Brasil.
 
O touro estava aposentado há três anos e tinha artrose nas articulações. Segundo os veterinários do hospital veterinário de uma faculdade de São José do Rio Preto (SP), a morte foi consequência da idade avançada.
 
O empresário Paulo Emílio, dono do touro, publicou uma postagem nas redes sociais lamentando a morte do animal.
 
“Perdemos hoje nosso “Touro Agressivo”. Um dia triste para o mundo dos rodeios. Lembro quando ele chegou na Fazenda Santa em 2008, aos 6 anos, e logo ganhou o status de “o mais temido das arenas”, ficando invicto por tantos anos. Agressivo deixa um legado de campeão das arenas, colecionador de títulos e um dos mais difíceis de montar. Agressivo terá um lugar especial na fazenda onde vamos enterrá-lo. Vá em paz meu touro querido”, diz a postagem.
 
Agressivo ganhou prêmios de melhor touro e era temido nas arenas porque apenas dois peões conseguiram permanecer oito segundos sobre ele.
 
Apesar do nome, o touro não apresentava comportamento agressivo no dia a dia, mas se transformava quando entrava nas arenas. “Na fazenda ele era muito manso”, afirma Paulo Emílio.
 
Agressivo chegou à Companhia de Rodeio Paulo Emílio em 2008 e ficou invicto em 34 montarias. “Ele tinha um estilo único de pular, com movimentos rápidos, altos e com muita rotação”, diz o tratador do touro Paulo Mulato.
 
Prêmios
O último prêmio de Agressivo dentro das arenas foi o de melhor touro na Festa de Peão de Barretos (SP) em 2010, além o de segundo melhor touro em 2011. Ao todo, foram 13 fivelas de melhor touro pela PBR (Professional Bull Riders).
 
VEJA O VÍDEO ABAIXO: