Falece aos 87 anos o quartista Rudney Atalla, homenageado do Hall da Fama ABQM

Em 2016, Jorge Rudney Atalla passou a fazer parte do seleto grupo do Hall da Fama ABQM
 
Internado há alguns dias em decorrência de graves problemas de saúde, veio a falecer na manhã do  4 de junho, aos 87 anos, na capital paulista.
 
Formado em engenharia de petróleo nos EUA, regressou ao Brasil e se especializou na aérea da agricultura e indústria de açúcar e álcool, além da pecuária.
 
Em relação ao Quarto de Milha, Rudney Atalla sempre teve ativa participação em prol da raça. Entre elas a construção do pavilhão de leilões em Jaú, com moderna infraestrutura; a construção da pista para corridas de curta distância, feita sob regulamentação oficial da ABQM - com instalação para corridas noturnas, inclusive com instalação de photochart; salão para recepção dos criadores, sempre sem nenhum ônus; e a participação efetiva na criação do Jockey Club de Sorocaba.
 
Atalla iniciou o plantel Quarto de Milha em 1972, tornando-se um dos pioneiros na raça e ao longo dos anos chegou a possuir mais de 400 animais em sua fazenda na cidade de Jau (SP). Importou dos EUA em torno de 120 exemplares entre machos e fêmeas, produzindo aproximadamente 3.500 animais puros para a maioria das modalidades de provas praticadas pela raça.
 
Por todos os seus feitos, foi homenageado em 2016 pela ABQM com o título de Hall da Fama (foto). Na solenidade, Jorge Rudney Atalla subiu ao palco junto com sua filha Anney Atalla, para receber a merecida honraria das mãos do ex-presidente Fábio Pinto da Costa.
 
Nossa equipe expressa nossa condolências a seus familiares