Doenças ortopédicas do desenvolvimento dos potros

As doenças ortopédicas do desenvolvimento - DOD`s são alterações que ocorrem durante o crescimento e desenvolvimento ósseo dos potros. O distúrbio pode ter diferentes origens, incluindo processos degenerativos induzidos ou mesmo traumatismos.
 
É grande a preocupação dos criadores, pois a incidência de casos é alta, e o problema pode causar sérios prejuízos para o desempenho dos cavalos atletas. 
 
Sem dúvidas, os erros na nutrição têm relação expressiva com as DOD`s. Aliás, é considerado por muitos como o principal vilão. Mas, existem outros fatores que contribuem para o acometimento. São eles: 
 
Hipotireoidismo;
Fatores genéticos;
Ocorrência de traumas;
Exercícios físicos inadequados. 
 
Se você quer saber mais a fundo sobre a influência de cada um destes fatores, é só acompanhar este artigo até o final. Boa leitura! 
 
"CONSULTE SEMPRE UM VETERINÁRIO"
 
Nutrição
Que a alimentação é fator decisivo para o sucesso de qualquer criação, não é novidade. Acontece que, no caso das doenças ortopédicas do desenvolvimento, os erros nutricionais são o principal vilão. Por isso, é preciso fornecer o que realmente é importante para o equino, assim, eles serão capazes de expressar melhor o seu desempenho e potencial genético. 
 
Dietas com excesso de energia podem provocam aceleração na taxa de crescimento dos animais. Como consequência, o processo de diferenciação celular da cartilagem torna-se insuficiente, causando falha na ossificação endocondral. Outro ponto negativo, é que a aceleração do crescimento interfere na formação dos tecidos moles, fazendo com que os mesmos não acompanhem os ossos. 
 
Dentro de um manejo nutricional adequado, é importante iniciar o fornecimento de ração para os potros no período certo. Antes da idade adequada, os animais podem ter um aumento acentuado no peso e crescimento incompatível. Dietas muito ricas em fósforo, inviabilizam do cálcio pelo organismo, provocando uma deficiência. O cálcio é fundamental para o processo de ossificação, a sua escassez gera uma predisposição para as DOD´s. 
 
Fatores genéticos 
De maneira geral, os fatores hereditários também estão relacionados com o surgimento das doenças ortopédicas de desenvolvimento em potros. Animais pertencentes às raças de maior porte são mais predispostos a contrair esta patologia. Outros aspectos relevantes são: 
 
Tipo corpóreo;
Massa corporal;
Estrutura óssea;
Problemas de conformação. 
 
Manejo adequado
O sucesso no desenvolvimento do rebanho depende de um conjunto de fatores, e a prevenção das DOD´s também. É preciso ter cuidado especial com o manejo dos potros, antes dos 10 meses de idade não é recomendada a prática do trabalho. Além disso, as instalações precisam ser bem  planejadas, pois ajudam a prevenir os problemas ortopédicos. Viu como as doenças ortopédicas de desenvolvimento podem ser prevenidas por meio de cuidados simples? 
 
Fonte: Escola do Cavalo