Conheça o Skijoring, uma corrida de esquiadores puxados por cavalos nos Alpes (SUI)

No coração dos Alpes Suíços, a exclusiva St Moritz oferece o supra sumo dos esportes de inverno. Entre o esqui e o para-glider, cavalos puxam esquiadores a toda velocidade sobre o lago congelado em um esporte chamado de skijoring.

Adrenalina no gelo

O “White Turf” é um evento realizado tradicionalmente em fevereiro desde 1907. São três domingos de muita emoção que atraem cerca de 30 mil pessoas para ver e torcer nas corridas normais, corridas de trote e de skijoring. No entanto, o evento só pode acontecer quando o gelo atinge 30 centímetros de largura sobre o lago.

Para evitar escorregões perigosos, os cavalos recebem ferraduras especiais com uma camada de silicone por baixo, que ajuda na aderência. Os condutores também precisam de proteção extra por causa de todo o gelo e neve que é atirado pelas patas dos animais. “É como se estivessem jogando bolas de neve na gente, com muita força. Então pode ser desagradável às vezes”, explica o jockey Robert Havlin, que usa uma máscara de motocross para proteger os olhos e o rosto.

Três semanas de pura emoção nos Alpes Suiços

Veterinários atestam que o esporte não é especialmente perigoso para os cavalos. O mesmo já não pode ser dito dos jockeys, que são puxados por cavalos super velozes, sem nenhum cavaleiro controlando. “Nós não temos tanto controle”, diz Franco Moro, grande campeão na modalidade. “Na verdade, 20% depende do condutor e 80% é trabalho do cavalo.”