Kibah Tic-Toc, cavalo bicampeão olímpico de CCE, é sacrificado aos 36 anos

Em 28/4, Kibah Tic-Toc foi sacrificado por motivo de idade, poucos meses depois do falecimento de sua dona e criadora Bridget Hyem, em Gunnedah, na Austrália. Foi na propriedade de Bridget que Tic-Toc passou seus últimos dias e também deve receber um memorial.

Montando por Matt Ryans, Tic-Toc, filho do hannoverano Domherr, conquistou duplo ouro no Cross Country, individual e por equipes, no Jogos Olímpicos de Barcelona 1992.

Tic Toc com Matt Ryan: dupla de ouro da modalidade Concurso Completo

Tic Toc com Matt Ryan: dupla de ouro da modalidade Concurso Completo

A origem do nome de Tic-Toc é curiosa. Segundo o filho de Bridget, a criadora aguardou durante horas seu nascimento e devido a demora o batizou o potrinho de Tic-Toc, a versão australiana para Tique Taque. Tic-Toc tinha mesmo uma linhagem de campeão, seu meio irmão Kibah Sandstone também conquistou ouro olímpico em Sydney 2010 com o mesmo cavaleiro Matt Ryan.

Tic-Toc curtindo  sua  aposentadoria ao lado de sua dona Bridget Hyem

Tic-Toc curtindo sua aposentadoria ao lado de sua dona Bridget Hyem

Mesmo diante de sua idada avançada, 36 anos, fica difícil não pensar que Tic-Toc tenha enfraquecido por motivo de tristeza com a perda de sua dona.